•  
     

TÓPICO OFICIAL - SOBRE AS OLIMPIADAS 2012

PERCEBI QUE MUITA GENTE CRIA TOPICOS PRA FALAR SOBRE AS OLIMPIADAS ENTAO RESOLVI CRIA ESTE PARA AS PESSOAS POSTAREM AQUI AS ATUALIZAÇOES SOBRE AS OLIMPIADAS QUEM GOSTOU DA JOINHA POIS FIZ DE BOM GOSTO
 
Estas olimpiadas esta dando oque falar. entao deixem os topicos sobre elas aqui :D
 
eu vou bota mais eu vou espera os jogos acabar
 
Pow Vc Vai Esperar Acabar que graça tera saber da olimpiadas quando ela termina
 
Thiago Pereira fica com o quarto lugar nos 200 metros medley em Londres 2012



A decisão foi só na braçada final. Thiago Pereira (1min56s74) bem que chegou perto, mas ficou com a quarta colocação nos 200 metros medley nesta quinta-feira (2) em Londres 2012. Grande figurão da prova, Michael Phleps (1min54s27) se tornou o primeiro tricampeão da história da natação nos Jogos Olímpicos. Ryan Lochte (1min54s90) foi o segundo, seguido pelo húngaro Laszlo Cseh (1min56s20).

A prata de Pereira nos 400 metros medley no sábado (28) não chegou a ser por acaso. Ele próprio confessa que sua prova preferida é justamente os 200 metros medley, o que só aumentava a expectativa para esta quinta (2). Mas o que fazer com tantas feras na mesma piscina do Centro Aquático britânico? O brasileiro brigava pela colocação até o nado de peito, sua especialidade, e perdeu fôlego no estilo livre e acabou fora do pódio.

Essa foi a terceira vez em Jogos Olímpicos que o quarteto apareceu na final olímpica dessa prova. Os mesmos Phelps, Lochte, Csech e Pereira estavam em Atenas 2004 e Pequim 2008 - nas duas oportunidades a lenda Phelps levou a melhor. Bronze nos 400 metros medley, o japonês Kokuke Hagino corria por fora em relação aos grandes figurões.

Em outro momento marcante da história do esporte, Phelps só aumentou sua coleção de medalhas olímpicas. O recordista absoluto após bater as 18 medalhas da ginasta da extinta União Soviética Larissa Latynina nesta quinta subiu pela 20.ª vez no pódio dos Jogos Olímpicos.

O R7 transmite os Jogos Olímpicos de Londres em cinco canais exclusivos, 24 horas. E durante os Jogos, além da transmissão ao vivo e com sinais exclusivos, você encontra no portal os vídeos de todos os melhores momentos da maior disputa esportiva do mundo. Até o dia 12 de agosto, Olimpíada é no R7, Record e Record News, os canais oficiais de Londres.
Anexos
thiago.jpg
thiago.jpg (59.41 KiB) Visto 119 vezes
 
De moicano, ponta do handebol dá um drible em Neymar: 'Fiz antes dele'



Os dois estão nos Jogos Olímpicos, mas separados por mais de 400 quilômetros. E provavelmente nunca estiveram tão perto. Enquanto Neymar se esforça em Newcastle para levar a Seleção à inédita medalha de ouro, uma menina de 23 anos atrai comparações em Londres. Não é só pelas jogadas de habilidade pela ponta na Caixa de Cobre, palco do torneio de handebol: Samira Rocha chama a atenção da torcida também pelo cabelo moicano. Se nos últimos anos qualquer moicano no Brasil aponta para Neymar, a pernambucana garante que o dela é exceção. Sem inspiração definida, segue firme em busca do pódio e, com outras coisas para se preocupar, trata de festejar o lado prático do penteado.

Nada de Neymar: Samira garante que não se inspirou no atacante santista para o moicano (Foto: AFP)
- Esse cabelo é maravilhoso, eu acordo e ele já está pronto. Não preciso me preocupar. Desde o Mundial do ano passado falam no Neymar, né. Não tem nada a ver, eu fiz antes dele. E o cabelo dele nem é assim, né. Não sei de onde veio a minha inspiração. Um dia pensei: "Quero mudar". E mudei - conta Samira, que volta à quadra nesta sexta-feira, às 12h15m (de Brasília), para enfrentar a Rússia.

A pernambucana em ação em Londres (Foto: AFP)
A inspiração teve mais a ver com a cantora Rihanna, mas foi o apelido de Neymar que grudou na ponta esquerda no Mundial de 2011, disputado em São Paulo. A torcida adotou a brincadeira no Ginásio do Ibirapuera, as companheiras de seleção também, e a jogadora levou numa boa. Entre idas e vindas no cabelo e na maquiagem, ela já adotou visuais diferentes. Mas a concentração continua dentro da quadra.
Com três vitórias nos três primeiros jogos em Londres, a equipe treinada pelo dinamarquês Morten Soubak tem chances reais de brigar por uma medalha. Situação que Samira não imaginava quando começou a jogar handebol na escola em Recife. Influenciada pelos pais, que eram atletas da modalidade, passou a frequentar os treinos, gostou, e arrumou uma bolsa de estudos. Para alçar voos mais altos, saiu de Pernambuco e rodou o sul do país antes de se transferir para a Áustria, onde hoje defende o Hypo, que reúne a base da seleção.
- Imaginar eu não imaginava. Mas desde o início almejei estar na seleção brasileira, e sempre sonhei com isso. Quando fui para a Áustria, a adaptação no início foi bem complicada. Não tanto pelo frio ou pela comida, mas em relação aos treinamentos. No Brasil é um treino por dia. Lá são dois treinos, mais academia - conta a atleta.
No grupo A das Olimpíadas, o Brasil já está classificado para as quartas de final, mas ainda enfrenta Rússia e Angola na primeira fase. Apesar do bom momento, nada de deixar o otimismo subir à - estilosa - cabeça.

fonte : http://globoesporte.globo.com/olimpiada ... -dele.html
Anexos
moicano2.jpg
moicano.jpg
 
Postem Noticias Sobre As Olimpiadas aqui gente
 
Booa mikael!
 
Esquiva Falcão estreia com vitória e avança às quartas de final no boxe


O brasileiro Esquiva Falcão estreou com vitória na disputa da categoria peso-médio nos Jogos Olímpicos de Londres. Ele não tomou conhecimento de Soltan Migitinov, do Azerbaijão, e venceu a luta por 24 pontos a 11, nesta quinta-feira, no Complexo Excel, e avançou às quartas de final. Na próxima fase, segunda-feira, ele enfrenta o húngaro Zoltan Harcsa, que bateu Mujandjae Kasuto, da Namíbia (16 a 7). Como no boxe não há disputa de bronze, todos os semifinalistas ganham medalha. Assim, se derrotar Harcsa, Esquiva garantirá um lugar no pódio.

Depois da vitória na estreia, Esquiva Falcão faz o "T" com os braços em homenagem ao pai, o ex-pugilista Touro Moreno. Coincidentemente, o mesmo sinal que ficou famoso com o craque Neymar, o "toiss"
Com mais movimentação, Esquiva tomou a iniciativa do combate, foi superior no primeiro round para vencer com uma vantagem de três pontos: 8 a 3. Migitinov tentou reagir no segundo assalto, mas o brasileiro encaixou mais golpes e aumentou o placar para 15 a 8. No último round, Esquiva diminuiu o ritmo, mas ainda assim ganhou com tranquilidade.
Para comemorar a vitória e a vaga nas quartas, Esquiva, que recebeu o nome em homenagem ao movimento do boxe, fez uma homenagem ao pai, seu Adegar Falcão, pugilista brasileiro famoso na década de 60, mais conhecido como Touro Moreno. O "T" (de Touro Moreno) com os braços, coincidentemente, é o mesmo sinal que ficou famoso com o craque do Santos e da Seleção Brasileira Neymar, de "toiss".
Esquiva, de 23 anos, é irmão de outro pugilista, Yamaguchi Falcão, de 25, que também estreou com vitória em Londres. Na categoria meio-pesado, ele derrotou o indiano Sumit Sangwan por 15 a 14,

fonte : http://globoesporte.globo.com/olimpiada ... -boxe.html
Anexos
t.jpg
 
Maria Elisa e Talita completam 1ª fase perfeita para o Brasil no vôlei de praia


Na teoria, seria um confronto fácil. Com duas vitórias no torneio olímpico de vôlei de praia, Maria Elisa e Talita enfrentavam as australianas Bawden e Palmer, que haviam perdido as duas partidas que disputaram na competição. Porém, quando começou a partida, nesta quinta-feira, a história foi bem diferente. Nervosas, as brasileiras erraram demais no início, mas conseguiram reagir e ganharam por 2 sets a 1 (parciais de 18/21, 21/16 e 15/9). Com a vitória, Maria Elisa e Talita estão classificadas às oitavas de final com o primeiro lugar do Grupo E. Somadas, as quatro duplas brasileiras venceram as 12 partidas que disputaram na fase de grupos do vôlei de praia em Londres.

Talita e Maria Elisa comemoram a vitória sobre as australianas no vôlei de praia (Foto: Reuters)
A partida desta quinta começou equilibrada, mas logo prevaleceu a maior tranquilidade de Bawden e Palmer, que sacaram bem e aproveitaram seguidos erros de recepção das brasileiras para abrir pequena vantagem e fechar a parcial em 21 a 18.
No segundo set, as australianas rapidamente conseguiram dois aces e abriram 4 a 1 no placar. Com seguidos erros, as brasileiras chegaram a ter cinco pontos de desvantagem, porém voltaram ao jogo e conseguiram a virada por 11 a 10. A reação assustou Bawden e Palmer, que passaram a cometer falhas em sequência, facilitando a tarefa das brasileiras, que fecharam a parcial em 21 a 16 após uma largada de Talita.
Embaladas pela virada, as brasileiras começaram bem o terceiro set e contaram com boa atuação de Maria Elisa no saque para abrir vantagem. Um bloqueio de Talita selou a vitória por 15 a 9.


fonte : http://globoesporte.globo.com/olimpiada ... praia.html
Anexos
praia.jpg