•  
     

Santos "culpa" São Paulo por fracasso com Oliveira: "causaram stress"

Imagem

A novela envolvendo Santos, São Paulo e Ricardo Oliveira parece não ter fim. Nesta última quarta-feira, o presidente do time alvinegro, Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, culpou a disputa com o rival por um eventual fracasso nas negociações e afirmou que o clube tricolor "causou stress no xeque".
"Quando repercutiu o interesse do São Paulo no jogador, isso causou stress no Al Jazira. O xeque ficou resistente quanto a isso, pois o clube que detém os direitos do jogador tem que dar satisfações à sua torcida, o que acabou atrapalhando os nossos planos", disse o mandatário santista nesta quarta-feira, em evento na Vila Belmiro que celebrou o primeiro ano de seu mandato.
"Hoje, eles dizem que não, mas amanhã podem dizer que sim", acrescentou o presidente sobre a vinda do jogador ao time do litoral paulista.
Luís Álvaro também confessou que alguma transação acabou naufragando, mas não citou o nome do respectivo atleta que não vêm mais à Vila. "Hoje, eu tive a notícia de que um dos nomes que nós cogitávamos, pelo vazamento da notícia, o clube detentor dos direitos econômicos desistiu de negociar os jogadores. Agora, só vou falar de contratação quando o documento estiver assinado", declarou o dirigente.
Além de Ricardo Oliveira, o clube alvinegro corre atrás de outros reforços para a próxima temporada. O volante Charles deve ser o próximo anunciado: "ele já se considera jogador do Santos", disse o presidente, que ressaltou que o atleta precisa realizar uma nova bateria de exames para assinar o contrato. Também estão na lista de interesses o lateral direito Léo Moura, o volantes Willians, Lucas, Zé Roberto e Fabrício, os atacantes André e Guilherme e o goleiro Diego Cavalieri.
"É possível que nós tenhamos o engajamento de outro goleiro porque a recuperação do Felipe ainda tem algum tempo e é provável que outros nomes sejam cogitados. A menção do Diego Cavalieri não é confirmada e nem desmentida", despistou o presidente.
"Poderia cogitar o Messi, que é do nível do Santos, mas entre especular e acertar existe uma grande diferença A gente está atrás, nós não queremos apenas jogador para compor o elenco. Queremos atletas que possam vir assumir a titularidade. Estamos atrás dos melhores".
Na próxima temporada, o Santos disputa o Campeonato Paulista, a Copa Libertadores e o Campeonato Brasileiro. O principal objetivo da equipe do litoral é a conquista do tri da competição continental. "Estamos atrás da terceira estrela", completo Luís Álvaro.

font: terra.com.br