•  
     

Ronaldinho entra na Justiça, cobra R$ 40 mi e não é mais jogador do Flamengo

Imagem
A relação entre Flamengo e Ronaldinho Gaúcho terminou nesta quinta-feira. Por meio da advogada Gislaine Nunes, o estafe do craque ingressou com ação no TRT (Tribunal Regional do Trabalho), do Rio de Janeiro, e tem liminar que confirma a sua saída do clube. O jogador cobra pouco mais de R$ 40 milhões. Gislaine foi barrada na CBF (Confederação Brasileira de Futebol) em visita para oficializar a rescisão contratual. Entretanto, o advogado Aldo Giovani pôde entrar no prédio para dar seguimento ao trabalho. O documento judicial já foi protocolado.

O Flamengo pode recorrer da decisão, mas já não há ligação entre clube e jogador, de acordo com a advogada. Em contato com o UOL Esporte, Gislaine revelou quando a decisão de Ronaldinho Gaúcho foi comunicada a ela. “Eles me ligaram ontem [quarta-feira] à noite”, afirmou. A advogada vê relação com as faltas do craque ao treino de quarta-feira e a viagem disputa de amistoso no Piauí.

“Já estavam imaginando. Em razão desta ação, isso pode ter sido definido. O Ronaldinho também passa por momento difícil, com a mãe no hospital. Mas ela já está melhor", explicou a advogada.

Em entrevista ao "Arena SporTV", a advogada ainda alfinetou o vice presidente de futebol do Flamengo, Paulo Cesar Coutinho. "Quando falei com o Coutinho, ele me disse que o Ronaldinho não joga nada e falou um palavrão. Agora ele que vá chorar na cama que é lugar quente”, disse.

Ronaldinho cobra uma dívida de R$ 40.177.140,00. Ele conseguiu a vitória na 9ª Vara do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, após decisão do juiz substituto André Luiz Amorim Franco. O Flamengo foi notificado no início da tarde desta quinta e está reunida para definir a estratégia para se defender e contra-atacar. O clube planeja comentar sobre o caso através de seu site oficial.Ronaldinho não participava dos treinos do Flamengo desde segunda-feira. Neste dia e no seguinte, o jogador recebeu aval da diretoria para ficar no Rio Grande do Sul e fazer companhia à sua mãe. Dona Miguelina está internada em hospital de Porto Alegre e se recupera de uma cirurgia para retirada de um tumor. O ambiente no clube ficou ruim a partir de quarta, quando o atleta pegou a diretoria de surpresa após faltar a treino pela manhã e à viagem do time rumo ao Piauí em seguida, sem dar satisfações aos cartolas.

Na madrugada desta quinta-feira, o vice presidente de futebol do Flamengo, Paulo Cesar Coutinho, colocou mais fogo na polêmica ao revelar a torcedores que R10 estava “afastado” do elenco. O vídeo com as declarações do dirigente foi gravado e colocado na Internet. Homem forte do futebol rubro-negro, Zinho tentou amenizar o clima ruim, desmentiu tal decisão e afirmou que a decisão sobre o futuro do R10 no clube só seria tomada após uma reunião nesta sexta-feira.

Antes de conseguir a liminar, Ronaldinho viu o seu desempenho dentro de campo ser questionado por Coutinho. “Eu achei que ele poderia não vir por causa do problema com a mãe dele. Mas nem atendeu ao telefone, não ligou. Quem você acha que vai ganhar? O Flamengo tem 100 anos. O Ronaldinho não joga p... nenhuma”, atacou o dirigente.
Imagem
 
Bem Feito, Tomara q esse ___ nao venha quere vim pro Grêmio agora, dps q queimo o TIME... :icon_evil:
--'