•  
     

Pretendido pelo São Paulo, Villas-Boas acerta com o Tottenham

Imageminda sem técnico desde que demitiu Emerson Leão na semana passada, o São Paulo viu um dos seus alvos preferidos arrumar emprego. O sonho do presidente Juvenal Juvêncio era trazer André Villas-Boas, mas o português foi anunciado na manhã desta terça-feira como treinador do Tottenham, da Inglaterra. Ele assinou contrato de três anos com a equipe londrina.

É a chance que ele tem para recuperar o prestígio alcançado na época que dirigiu o Porto e conquistou a Liga Europa e o Campeonato Português, duas temporadas atrás. Na última, ele fracassou no Chelsea e foi mandado embora apenas nove meses depois de ter sido contratado.

Um dos motivos para ele refutar a proposta são-paulina é a alegação de que precisaria de seis meses morando no país antes de assumir a função, pois queria conhecer o futebol brasileiro.
Imagem
O técnico português André Villas-Boas durante uma entrevista coletiva

No último sábado, o mandatário tricolor já havia jogado a toalha quanto a chegar a um acerto com Villas-Boas.

"Vou quebrar a cabeça. Queria um técnico de Portugal e não veio. Infelizmente não vai vir porque está acertando com o Tottenham", falou Juvenal.

Enquanto não acerta com ninguém, o São Paulo continua com Milton Cruz no comando interino da equipe.
 
São Paulo é um time ruim