•  
     

Peugeot exibe carro com nome de pedra e feito de cobre e jornal

Imagem

A Peugeot revelou nesta quinta-feira (27), no primeiro dia do Salão de Paris, o conceito Onyx, um carro com carroceria de cobre e interior feito de jornal. Estranhou a combinação? A ideia é esta: destacar pesquisas da montadora francesa no uso de novos materiais.
O efeito do conjunto é inovador, pois mesmo as linhas futuristas trazem para perto uma futura realidade. O protótipo antecipa as linhas que atualizarão o portfólio da marca em 2013. Embora o cobre chame mais atenção ao ouvir a descrição, é o interior do carro que atrai a curiosidade. Ele é feiro com jornal prensado, formando uma nova liga rígida e reciclável, batizada pela Peugeot de Paper Wood (madeira de papel).

Imagem

O modelo também mostra os avanços da marca com sistemas híbridos. O grupo se orgulha de ter se especializado na combimação de motores a diesel com tração traseira e blocos elétricos. A saída reduz o consumo de combustível e emissão de poluentes - o diesel europeu é "limpo", vale lembrar.
Mas, além do lado ecológico, a Peugeot conseguiu se destacar pelo desempenho do carro.O Onyx traz sob o capô motor 3.7 V8 a diesel de 600 cv e tração traseira e um elétrico de 80 cv, alimentado por uma bateria de íon-lítio.

Imagem

A recarga é feita reaproveitando a energia dissipada nas frenagens. No entanto, o modelo não foi projetado para andar somente com o motor elétrico. Opção comum em muitos híbridos.

De acordo com a Peugeot, há estudos de custo para a montadora vender modelos com a tecnologia no Brasil, mas a legislação atual proíbe a venda de carros de passeio com motores a diesel. Até porque o diesel no Brasil ainda tem alta concetração de enxofre.

301 e 2008 para o Brasil
O novo sedã 301, feito exclusivamente para mercados emergentes, ainda não foi confirmado para o Brasil, mas tem tudo para assumir o lugar do 207 Passion e brigar com Renault Logan e Chevrolet Cobalt. Com amplo espaço interno e corajoso porta-malas, ele será vendido inicalmente na Argentina, Chile, China, Rússia, Turquia e alguns países do norte da África.

Mas quem vem animado mesmo é o 2008, versão SUV do hatch 208 - que chega ao Brasil no começo do ano que vem para concorrer com o Ford EcoSport e Renault Duster. O modelo será fabricado em Porto Real, no Rio de Janeiro, a partir do segundo semestre de 2013.

Imagem

O Peugeot 2008 tem 4,14 metros de comprimento por 1,74 metro de largura, segundo a marca. A versão conceitual apresentada em Paris é equipada com um motor 1.2 litro de 3 cilindros, dotado de turbo e injeção direta de combustível, que alcança 110 cv – a fabricante, no entanto, não confirma sua aplicação no 2008 nacional.
A facilidade de se produzir localmente o 2008 e não o 301 é a plataforma. A do 2008 é a mesma do 208, mas a do 301 é uma outra. Ou seja, o sedã demandará espaço e investimento na fábrica. Para isso, terá de compensar nos cálculos de produção local, já que a importação o torna inviável.

Imagem

Créditos: gbA;1