•  
     

Os 10 piores massacres em escolas (Atualizado)

Imagem
Imagem
No dia 7 de abril de 2011, Wellington Menezes de Oliveira, ex-aluno da Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na zona oeste do Rio, invadiu e disparou mais de 30 tiros contra os alunos, matando dez meninas e um menino. Logo após a chegada da polícia, o criminoso se suicidou. [Mortes: 12 | Feridos: 13]

-------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
Os alunos da Universidade do Texas, presenciaram um dos piores ataques à escolas do País. Ocorrido no dia 1º de agosto de 1966, e protagonizado por Charles Whitman, um antigo major da marinha (fuzileiro naval) e estudante desta universidade. Whitman subiu numa torre e começou a atirar fazendo dezenas de vítimas. Só parou quando foi morto por policiais. [Mortos: 14 | Feridos: 31]

-------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
Marc Lepine, de 25 anos, matou 14 mulheres e feriu mais 13 pessoas, além de tirar sua própria vida no dia 6 de dezembro de 1989 no pior massacre escolar da história do Canadá. [Mortos: 15 | Feridos: 13]

-------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
O massacre de Columbine aconteceu no dia 20 de abril de 1999 no Condado de Jefferson, Colorado, Estados Unidos, no Instituto Columbine, onde os estudantes Eric Harris, de 18 anos, e Dylan Klebold, de 17 anos, mataram e feriram diversos alunos e professores. O grande final ocorreu quando os dois se suicidaram. [Mortos: 15 | Feridos: 24]

------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
Após ser expulso da escola onde estudava, Robert Steinhäuser, de 19 anos de idade, voltou a sua antiga escola para se vingar e matou 13 professores, dois estudantes e um policial. O que passava na cabeça do rapaz ninguém sabe, pois ele se matou após o atentado ocorrido em 26 de Abril de 2002 na Alemanha. [Mortos: 17 | Feridos: 7]

------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
Em 13 de março de 1996, Thomas Hamilton matou 16 crianças e um professor em um jardim de infância de Dunblane, na Escócia. Depois do feito, o assassino cometeu suicídio. [Mortos: 18 | Feridos: 0]

------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
No dia 15 de Maio de 1974, um grupo de terroristas palestinos tomou o controle de uma escola de ensino médio em Maalot, em Israel. Os criminosos pediam a libertação de árabes de prisões israelitas, caso contrário eles matariam os alunos. Um grupo de elite invadiu o prédio e matou todos os terroristas, mas não antes de fazerem algumas vítimas. [Mortos: 26 | Feridos: 66]

------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
O sul-coreano Cho Seung-hui, de 23 anos de idade, foi o responsável pelo pior massacre em uma universidade americana. No dia 16 de abril de 2007, munido com duas armas o jovem entrou atirando no campus da universidade fazendo diversas vítimas fatais. Logo após, Cho Seung-hui tirou sua própria vida. [Mortos: 32 | Feridos: 21]

------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
Este foi o maior atentado à uma escola nos Estados Unidos. Ocorrido em 18 de maio de 1927, ocasionado por um funcionário da escola, Andrew Kehoe, responsável pela tesouraria, que foi contra o imposto de propriedade da sua fazenda agrícola. Kehoe utilizou fortes explosivos para detonar a escola e tudo que estava dentro. [Mortos: 45 | Feridos: 58]
------------------------------------------------------------------------------------------
Imagem
Imagem
Terroristas chechenos colocaram explosivos no prédio da Escola Número Um, da cidade russa de Beslan, na Ossétia do Norte e, fizeram mais de 1200 reféns entre crianças e adultos no dia 1 de setembro de 2004. No terceiro dia as forças de segurança russas entraram na escola e atacaram os sequestradores, que detonaram explosivos e atiraram nos reféns. [Mortos: 386 | Feridos: 700]


fonte: Lista10.org