•  
     

Número dois da Al-Qaeda é morto em ataque dos EUA

Número dois da Al-Qaeda, o líbio Abu Yahya al-Libi morreu nesta terça-feira em um bombardeio com drones (aviões não-tripulados) no Paquistão. O anúncio foi feito por porta-vozes dos Estados Unidos, que afirmaram ter infligido um "revés maior" à rede extremista pouco mais de um ano depois da morte de Osama bin Laden.

— Nosso governo pode confirmar a morte de Al-Libi — declarou o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, depois de outro alto funcionário americano ter dito que havia "um alto nível de confiança" na veracidade da morte do dirigente da Al-Qaeda.

As autoridades americanas se negaram a confirmar as circunstâncias da morte de Al-Libi, mas altos funcionários paquistaneses haviam anunciado um bombardeio com aviões não tripulados contra um complexo residencial situado nas regiões tribais do noroeste do país, um reduto da Al-Qaeda próximo à fronteira afegã.

A operação, realizada na madrugada desta segunda-feira, teria causado a morte de 15 insurgentes islamitas, número não confirmado por Washington. O alvo era Al-Libi, havia informado à noite o jornal The New York Times.

O ex-número dois da Al-Qaeda, Atiyah abd al-Rahman, também foi morto no Paquistão, na região tribal do Waziristão, em 22 de agosto. Depois do assassinato de Osama bin Laden no início de maio de 2011 em um ataque de comandos no Paquistão, seu número dois, o egípcio Ayman al-Zawahiri, assumiu a liderança da rede.Abu Yahya al-Libi, um líbio considerado um dos principais teóricos da Al-Qaeda, apareceu em várias ocasiões nos últimos anos em mensagens de vídeo na rede. Em março, pediu aos rebeldes líbios para manter sua ofensiva contra o regime de Muamar Kadhafi.

fonte: AFP
 
osama bim kkkkkkk esse era o CARA TR mais _______ q eu conheci !