•  
     

neymar adimiti q pula

Destaque do futebol brasileiro, Neymar tem como marca o futebol irreverente, driblador. Se para os torcedores do Santos e da seleção brasileira, os lances de genialidade encantam, alguns adversários não encaram da mesma forma e muitas vezes usam da violência para pará-lo. O jovem não se intimida e tem algumas armas para se defender, como revela em entrevista exclusiva ao "SporTV News", cuja primeira parte vai ao ar na edição desta terça-feira, que começa à meia-noite.
As 'porradas' estão vindo fortes. Quando eu percebo que são maldosos, eu pulo e me jogo. Não tenho vergonha de falar isso. Aí depende do juiz interpretar se foi falta ou não. Eu não reclamo de nada, pulo para me defender. Não quero me machucar - disse o jogador.
De acordo com Neymar, um dos jogos mais tensos da sua ainda curta carreira como profissional foi o primeiro duelo da final da Libertadores de 2011. Na partida contra o Penãrol, no estádio Centenário, em Montevidéu, o camisa 11 do Peixe precisou não apenas se livrar da marcação dos jogadores uruguaios, mas também do árbitro paraguaio Carlos Amarilla.
- Dei uma caneta em um cara, acabou tocando em um lugar que dói muito. Não cai pedindo falta (...). Ele acabou me dando amarelo e passou a me ameaçar.
 
Inveja é tenso!
 
Favor para de flood :S