•  
     

Jogando Counter Strike no Linux

Para que o Linux leia os arquivos .exe do Windows necessitamos de um programa gratuito, um dos únicos é o Wine.

Faça o download do Wine, clique aqui.

Para manter uma melhor organização baixe o arquivo em: /usr/src.

Quando você terminou o download, dê os comandos (Nós estamos usando a pasta /usr/src como exemplo, se você salvou em outra pasta substituia pela que você usou).

Para acessar o diretório do download:

cd /usr/src

Para descompactar o arquivo .tar:

tar -vxjpf wine-0.9.25.tar.bz2

Para acessar a pasta criada pelo .tar:

cd wine-0.9.25

Agora vamos começar a configurar:

# ./configure --enable-opengl

Se você ativou corretamente o OpenGL aparecerá isto:

checking GL/gl.h usability... yes

checking GL/gl.h presence... yes

checking for GL/gl.h... yes

checking GL/glx.h usability... yes

checking GL/glx.h presence... yes

checking for GL/glx.h... yes

checking for GL/glext.h... yes

checking for up-to-date OpenGL version... yes

checking for thread-safe OpenGL version... yes

checking for glXCreateContext in -lGL... yes

checking for glXGetProcAddressARB in -lGL... yes

checking for OpenGL extension functions prototypes... no

checking for gluLookAt in -lGLU... yes

Se está tudo certo, está na hora de compilar:

# make depend

# make

# make install

Pronto. Agora o OpenGL está instalado.

Vamos configurar o Wine agora com o seguinte comando:

$ winecfg

Depois de usar o comando irá abrir uma janela com o nome de "Wine Configuration".

Na aba "Applications" clique na opção "Windows Version" e coloque como "Windows XP", também funciona como "Windows 2000", tanto faz.

Depois vá a aba "Drivers" clique no botão "AutoDetect" então o Wine detecta o seu driver de CD/DVD, disquete e pastas do sistema.

E por último na aba "Áudio" marque ALSA. Se tiver problemas com o ALSA marque o OSS.

Chegou a parte que nos interessa, instalando o Counter-Strike.

Para instalar dê os seguintes comandos:

cd /pasta-aonde-está-o-instalador

wine nome-do-instalador.exe

Depois de dar os comando abrirá a janela de instalação do Counter-Strike, se você não sabe basta seguir o nosso tuto de como instalar o Counter-Strike, clique aqui.

Bom, depois disso o Counter-Strike será instalado.

Agora temos que criar o ícone do Counter-Strike.

Para isso dê os seguintes comandos:

cd /home/nome-do-usuario/.wine/drive_c/Program\
Files/pasta-que-está-instalado

wine hl.exe -- hl.exe -console -game cstrike

Na maioria das vezes, para quem instalou em C:\Arquivo de Programas\Valve ficará assim:

cd /home/marcos/.wine/drive_c/Program\ Files/Valve

wine hl.exe -- hl.exe -console -game cstrike

Salve o arquivo agora com o nome: counter-strike.sh

Acesse agora a pasta em que você salvou o arquivo counter-strike.sh:

cd /pasta-em-que-você-salvou

Você ainda terá que autorizar a execução, dê o comando:

chmod +x counter-strike.sh

Agora, enfim, vamos criar o lançador. Na área de trabalho do KDE clique com o botão direito do mouse, depois "Criar Novo" e depois "Link para Aplicativo".

Na aba "Aplicativo", no campo "Comando" coloque o destino do arquivo counter-strike.sh, como exemplo:

cd /pasta-em-que-você-salvou/counter-strike.sh

Pronto, seu Counter-Stike foi instalado perfeitamente, agora você poderá jogar até em OpenGL.

Obs.: O tutorial vale para quem usa STEAM e NO STEAM. Se você usa STEAM deverá abri-lo como o Winer e liberar ele como o CS.
 
Lembre-se

Não se esqueça de por a fonte

ou seu tópico será deletado.