•  
     

Japão: Detectado alto nível de radiação em alimentos

Imagem
Vestígios de iodo radioativo foram detectados na água corrente de Tóquio após o terremoto ter afetado uma usina nuclear do país, informou a agência Kyodo neste sábado (19).

Níveis anormais de iodo radioativo também foram registrados na água corrente das províncias de Gunma, Tochigi, Saitama, Chiba e Niigata, informou funcionário do Ministério da Ciência japonês, que está monitorando os níveis de radiação. Mas elesestavam bem abaixo do limite legal japonês, informou o funcionário, que não quis ser identificado.

Mais cedo, o governo informou ter descoberto níveis anormais de radioatividade em leite e produtos agrícolas perto da usina nuclear de Fukushima, embora tenha assegurado que a contaminação "não representa risco imediato".

O porta-voz do Governo japonês, Yukio Edano, disse neste sábado que o Executivo tomará as medidas adequadas e não descarta possíveis restrições na distribuição de produtos da região.

Edano precisou que na tarde de sexta-feira (18) se detectou um "alto nível de radiação" em leite produzido em Fukushima, e, neste sábado, em espinafres cultivados na vizinha província de Ibaraki.

O anúncio acontece em meio à preocupação com a possível exposição da população à radioatividade após o acidente nuclear da usina de Fukushima, afetada pelo terremoto e o posterior tsunami do dia 11.

O Ministério da Saúde enviou especialistas a Fukushima e a Ibaraki para que realizem uma investigação no terreno, enquanto as autoridades provinciais estudam quais medidas adotar.

Edano assegurou que o Governo continuará compilando dados sobre os níveis de radiação em alimentos para coordenar suas políticas e evitar que se propaguem rumores que afetem injustamente outros produtores locais.

Resgate
O número de mortos em consequência do terremoto e do posterior tsunami do dia 11 no Japão foi atualizado para 7. 197 neste sábado, quando os serviços de resgate conseguiram salvar um jovem que há oito dias estava preso sob os escombros de uma casa.

Os desaparecidos já somam 10.905, mas apesar do milagroso resgate deste sábado na localidade de Kesennuma, na província de Miyagi, a esperança de encontrar mais sobreviventes é muito pequena.

O homem de 20 anos, identificado como Katsuharu Moriya, se encontrava no segundo andar de uma casa parcialmente destruída e por enquanto não é capaz de falar, já que está em estado de choque, informou a agência local "Kyodo".

Moriya, que os soldados militares encontraram envolvido em uma manta, foi transferido imediatamente para um hospital, embora não pareça apresentar ferimentos. O jovem pode receber alta hoje mesmo.
Imagem
 
ai é tenso hein .

vao morrre de fome ?