•  
     

Internet no celular fica abaixo do esperado nas cidades-sede

Imagem

Para navegar na internet usando o celular em 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014, o brasileiro consegue atingir velocidades médias de 567 kbps para download e 249 kbps para upload de informações, de acordo com o Balanço Huawei da Banda Larga Móvel, divulgado nesta terça-feira durante a Futurecom.
Para comparação, os aparelhos 3G com tecnologia HSDPA/HSUPA atingem velocidades de até 7,2 Mb/s para download e 5,76 para upload. A empresa mediu a qualidade da internet móvel nas futuras 12 cidades-sede da Copa do mundo de 2014 no Brasil, nas quatro principais operadoras de telefonia móvel.
Entre as cidades pesquisadas, os melhores resultados, na média, aparecem nem São Paulo, Porto Alegre e Curitiba; e os piores, em Salvador, Recife e Natal.
Além da velocidade, os pesquisadores avaliaram a latência (tempo de resposta da rede), a qualidade de transmissão de vídeo (via streaming) e a confiabilidade da rede (medindo falhas de acesso e quedas). Tanto São Paulo quanto Porto Alegre tiveram boas velocidades médias de download (660 kbps) e upload (270 kbps). Por outro lado, Recife, Salvador e Natal apresentaram médias abaixo de 400 kbps para download e 200 kbps para upload. Três operadoras em Salvador estavam com redes instáveis durante os dias de teste na cidade, segundo o estudo.
Entretanto, bons resultados não se apresentam em todos os locais medidos: um dos exemplos citados pela Huawei foi a cobertura ruim de três operadoras no acesso ao futuro estádio de Itaquera, em São Paulo, que é o mesmo caminho para o aeroporto internacional da cidade. Outro exemplo é a baixa qualidade de sinal próximo ao estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.
O estudo foi feito em São Paulo, Porto Alegre, Curitiba, Cuiabá, Brasília, Manaus, Fortaleza, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Salvador, Natal e Recife.


Font: http://www.terra.com.br