•  
     

Hacker diz ter 'desbloqueado' o PlayStation 3 para jogar jogos piratas

George Hotz é o mesmo que destravou o iPhone.
Aparelho levou mais de três anos para ser 'hackeado'.

Pouco mais de 3 anos após seu lançamento, um hacker norte-americano diz ter conseguido desbloquear o PlayStation 3 para rodar jogos piratas e outros programas. George Hotz, o mesmo que ganhou notoriedade por destravar o iPhone, disse que levou cerca de cinco semanas para realizar o trabalho.

O hacker, que ainda não divulgou nenhuma prova sobre o funcionamento do hack, disse que está aprimorando seu método e que irá publicar detalhes na internet em breve. “Era para ser impossível hackear o videogame”, disse Hotz à BBC News. “Posso fazer o que eu quiser com o meu aparelho. É como seu eu tivesse um poder totalmente novo, mas ainda não sei como usá-lo.

Hotz disse que passou três semanas analisando o hardware do console. Em seguida, passou duas semanas tentando destravar o console, no que ele descreveu ser “um sistema muito seguro”. Segundo ele, seu método de destravamento envolve “5% de hardware e 95% de software”. Isso significa que para o console rodar games piratas, é necessário abrir e modificar parte de sua estrutura interna, além de usar um programa específico.

A Sony informou que está investigando a notícia e que irá se manifestar assim que conseguir reunir mais informações sobre o fato. Da geração atual, o PlayStation 3, lançado no final de 2006, era o único console que não sofria com a pirataria. O Wii, da Nintendo, e o Xbox 360, da Microsoft, rodam jogos piratas.
Imagem