•  
     

God of War II

God of War II é um videogame desenvolvido por Cory Barlog, ex-designer do primeiro jogo God of War e que juntamente com David Jaffe assumiu, nesta continuação, a direção do jogo. Ele foi lançado nos Estados Unidos em 13 de março de 2007 para o Console de videogame Playstation 2. Foi lançado na Europa em 27 de abril de 2007 e em 3 de maio de 2007 na Austrália.

A versão norte-americana NTSC é incluida com 2 dvds. O primeiro contém o jogo, e o segundo disco contém o desenvolvimento do jogo, incluindo um diário da produção do jogo. A versão européia e australiana PAL vem em duas diferentes edições: versão padrão com um único disco e uma "edição especial" que vem em uma caixa diferente da versão como um só disco. Também inclui uma arte da caixa diferente, um dvd extra, como bem a versão PAL do jogo.

Jogabilidade

A jogabilidade em God of War II, em sua essência é a mesma do seu antecessor. Mas dessa vez os golpes são mais variados e melhor desenhados. O jogador controla Kratos (o protagonista e anti-herói do jogo) em uma combinação de elementos de combate, plataforma e quebra-cabeça, sendo dado um toque de dificuldade a mais nas lutas enquanto os quebra cabeças são mais grandiosos que no primeiro jogo, tornando-os um pouco mais importantes para o desenrolar da trama, mas sua execução não chega a ser mais complexa.

História

Neste jogo, Kratos - o herói espartano da primeira saga - já se encontra no Olimpo após destronar Ares e inicia sua jornada como deus da guerra.No entanto, por sua descendência mortal, não é bem visto pelos outros deuses que, após suas demasiadas intervenções em favor de Esparta em Guerras, é avisado por Atena de que deve parar ou será combatida. Não aceitando os avisos, Kratos arrisca-se em mais uma guerra pelos espartanos e é atacado pelo Colosso de Rodes que está sendo controlado por interferência do deuses. Durante a luta, Zeus lhe envia uma espada a Blade of Olympus(Lamina do Olímpo) que drena os poderes divinos de Kratos, fazendo com que Kratos se torne novamente mortal. Pois Zeus estava furioso com Kratos por esse ter insultado os deuses do olimpo constantemente e agir de forma caotica com os seu guerreiros espartanos contra cidades da grecia que veneram outros deuses do olimpo.Dessa forma, o Rei dos deuses revela ser o inimigo a quem Kratos esteve combatendo, afirmando que este não se tornará uma ameaça para o Olimpo e ferindo mortalmente Kratos, que é enviado para o Tártaro.No caminho, Kratos encontra a Titã Gaia (Mãe Terra) que lhe cura a ferida feita por Zeus e o acorda para que retorne à superfície.Ao retornar, Kratos tem sede de vingança e agora deverá retornar ao Olimpo e destruir Zeus....
No momento da reunião o Monte Olímpo começa a tremer, os deuses vão correndo para ver o que é, e quando olham vêm os Titãs subindo o Monte Olímpo, liderados por Kratos que estava em cima da Gaia segurando a Blade of Olympus e diz "Zeus, o seu filho voltou e com ele trouxe a detruição de todo o Olímpo". Depois a frase "The End Begins..." (O Fim Começa...) aparece na tela e o jogo acaba.
Armas e magias

Armas

* Athena’s Blades: É a última arma do 1° jogo. Depois da Batalha com Ares, Athena te dá essas espadas como prenda de ser o novo deus da guerra.
* Barbarian Hammer: Uma arma lenta, mas muito poderosa, que é adquirida após derrotar o Rei Bárbaro (Barbarian King).Quando evoluído ganha o poder de invocar espíritos.
* Spear of Destiny: Uma lança coberta em ambas as extremidades por cristais púrpura, fácil de manejar e quando em seu nível máximo, é capaz de transformar os inimigos em bombas relógios quando atingidos pelos cristais.
* Blade of Olympus: É a lendária espada criada por Zeus para ganhar a guerra contra os Titãs, quando evoluída ao nível máximo, pode lançar raios juntamente aos ataques, e também drenar Red Orbs de todos os inimigos próximos.

Magias

* Typhon's Bane: É um arco de flecha mágico; de início apenas lança flechas a um inimigo de cada vez, mas ao desenvolver o seu poder, é capaz de criar um valente ciclone para atacar vários inimigos simultaneamente.
* Cronos's Rage : Tem o poder do Titã Cronos nas suas mãos; consiste em raios semelhantes (ou até iguais) ao poder Poseidon's Rage do 1° jogo.
* Atlas's Quake: Uma oferenda do Titã Atlas a Kratos para este ter a habilidade de fazer a terra estremecer; é eficaz para causar danos em vários inimigos simultaneamente.
* Head of Euryale: A cabeça da irmã de Medusa, Euríale, que, tal como ela, é capaz de transformar todos os seres em pedra com um simples olhar.
* Rage of the Titans: Semelhante a Rage of the Gods, Kratos sofre menos danos sob protecção deste poder, é mais rápido e mais forte e, ao contrário de Rage of the Gods, pode a seu mando optar por desactivar a magia quando não necessita dela, evitando assim, que a urna em que está contida a magia se esvazie sempre quando acionada.

Segredos

Urnas de poder

São ao todo, seis urnas de poder escondidas que durante o Bonus Play ativam certas características e poderes especiais; as quais são espalhadas da seguinte forma: 4 são encontradas durante o jogo, as quais podem ser:

* Urna de Gaia: Multiplica por 10 o valor de cada Red Orb.
* Urna das Górgonas: Permite que cada ataque que você execute, transforme os inimigos em pedra.
* Urna do Olimpo: Deixa a sua barra de magia infinita.
* Urna de Prometeus: Deixa o Rage of the Titans infinito.

E as outras duas são disponíveis ao completar o Challenge of the Titans com um nível alto; São elas:

* Urna das Irmãs do Destino: Aumenta o tempo limite entre os espaços dos ataques para fazer combos.
* Urna de Poseidon: Transforma a magia Cronos's Rage na magia Poseidon's Rage, a 1ª magia a ser adquirida no God of War 1.