•  
     

Fã de futebol, Bin Laden era tranquilo em campo, diz amigo de infância TORCIA PARA O ARSENAL

Em entrevista a jornal britânico, Khaled Batarfi, revela paixão do ex-líder da Al-Qaeda pelo esporte. Biógrafos dizem que ele torcia para o Arsenal

O ex-líder da organização terrorista Al-Qaeda, Osama Bin Laden, morto no início desta semana, após uma ação militar norte-americana em uma mansão em Abbottabad, a cerca de 50 quilômetros da capital do Paquistão, Islamabad, (veja mais no G1) tinha uma relação estreita com o futebol. De acordo com o amigo de infância Khaled Batarfi, que o viu pela última vez em 1990, o esporte seria uma das paixões do saudita.

Em entrevista ao jornal inglês "The Guardian", Batarfi, que diz ter ficado surpreso quando Bin Laden passou a participar de ações terroristas, contou que o líder praticava futebol com os amigos e gostava, inclusive, de fazer picnics após as partidas.

- Esse não é o homem que eu conhecia e gostava. Não é o homem com quem eu jogava futebol. Eu gosto de lembrar dele como era, não o que se tornou. A turma se reunia para jogar futebol. Nós discutiamos nas partidas - foi falta, foi gol. Mas ele era o único que não reclamava, não brigava. Ele jogava pelo prazer de jogar, mas se negava a entrar em discussões com qualquer um de nós - disse, e revelou que ele aproveitava as ocasiões para testar os conhecimentos do grupo sobre o Islã.

O segurança pessoal de Bin Laden, Nasser al-Bahri, contou que o saudita gostava de jogar como meia atacante e nunca tirava o turbante nas partidas. Al-Bahri revelou também outra paixão do ex-líder da Al-Qaeda: o vôlei.

- Ele era tão alto que não precisava nem pular para cortar a bola - relatou ao jornal norte-americano "Chicago Sun-Times".

Biógrafos de Bin Laden relatam suposta paixão pelo Arsenal

Os biógrafos de Bin Laden relatam que ele tinha uma foto de Pelé em seu escritório. Além disso, ele seria torcedor do Arsenal. Pelo menos é o que sugere o livro "The Terror on the Pitch", escrito por Adam Robinson, em 2002, que conta ainda que ele teria acompanhado todo o retrospecto dos Gunners no título da extinta Recopa Europeia, em 1993/1994.

Além disso, o livro fala que ele teria ido a Londres para assistir um jogo da equipe naquela temporada, mas fugiu quando seguranças perceberam sua presença no estádio. A torcida do Arsenal tem até um grito de torcida que rima a palavra "Cabul", capital do Afeganistão, com o nome do clube.

Também em "The Terror on the Pitch", Bin Laden teria planejado um atentado à seleção inglesa. durante a partida entre Inglaterra e Tunísia, na Copa do Mundo de 1998, na França. O astro David Beckham seria um dos alvos. Mas o plano foi desvendado pelo Serviço Secreto francês, e não continuou.

http://globoesporte.globo.com/futebol/f ... ancia.html
 
todos jogam futebol ate os terroristas
 
jeffin Escreveu:todos jogam futebol ate os terroristas