•  
     

Coritiba 'usa a cabeça', elimina São Paulo e vai à final da Copa do Brasil

Imagem
Coritiba 2 x 0 São Paulo
Com dois gols de cabeça, o Coritiba derrotou o São Paulo por 2 a 0 e eliminou o Tricolor da Copa do Brasil nas semifinais, já que havia perdido o jogo de ida apenas por 1 a 0. A vitória levou o time paranaense a sua segunda final consecutiva da competição e colocou o cargo do técnico Emerson Leão em risco no clube paulista.

Leão surpreendeu na escalação ao optar por uma formação mais defensiva no São Paulo. O volante Rodrigo Caio foi improvisado na lateral para conter os avanços de Lucas Mendes.

E o São Paulo começou a partida com uma estratégia inteligente ao não se intimidar perante a pressão de quase 30 mil torcedores do Coritiba e sair para o jogo. O time da casa foi mais agudo no início, apesar de não criar chances de perigo para a meta de Denis.

A melhor chance aconteceu nos pés de Lucas aos 24min da primeira etapa. O meia-atacante do São Paulo fez bela jogada individual pela direita ao passar pela marcação, mas pecou na hora de chutar e perdeu grande oportunidade.

Quando o São Paulo era melhor, foi castigado com um gol de bola parada. Após escanteio da esquerda, o zagueiro-artilheiro Emerson subiu muito mais que a marcação do Tricolor e abriu o placar aos 28min.

O 1 a 0 no placar não era bom para nenhum dos times, pois levava a decisão para os pênaltis. O São Paulo passou a apostar nos contra-ataques, e em um deles Luis Fabiano e Lucas levaram muito perigo para a defesa coxa-branca. Mas o Coritiba reagiu, e em dois lances rápidos obrigou Denis a trabalhar bem.

O segundo tempo começou truncado e muito brigado, com os dois times brigando intensamente por cada bola. Luis Fabiano teve boa chance, mas não conseguiu dominar. O desempenho do árbitro Wilton Pereira Sampaio irritou aos dois times.

Em outra falha do sistema defensivo do São Paulo, o Coritiba complicou demais as coisas para o Tricolor. Everton Ribeiro, livre de marcação, testou sozinho sem chance para o goleiro Denis: 2 a 0. O Coxa perdeu chance incrível de fazer o terceiro em contra-ataque logo em seguida – Cortez salvou.

Leão tentou mudar a situação do jogo ao colocar Maicon e Fernandinho nas vagas de Casemiro e Jadson. De falta, Luis Fabiano obrigou Vanderlei a fazer uma bela defesa, espalmando para escanteio. Pouco tempo depois, o arqueiro do Coritiba salvou o time novamente ao evitar o gol em arremate de Lucas.

O treinador do São Paulo ainda tentou a última cartada: colocar Willian José no lugar de Cortez. Mas o que Leão viu foi Lincoln perder uma ótima chance: a bola passou raspando a trave de Denis. E foi só: 2 a 0 que deve mudar muito a rotina do Tricolor para o semestre.